Comunidade se une para combater poluição e degradação de uma das mais belas paisagens na zona oeste do Rio de Janeiro; VÍDEO:

Roda da capoeira, leitura dramatizada, música, gastronomia típica e um passeio de barco por paisagens de tirar o fôlego. A programação cultural vai acontecer durante um dia e tem um propósito: chamar a atenção da população e das autoridades para o preocupante aumento da poluição na Lagoa da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Moradores, biólogos e barqueiros das ilhas da Barra se uniram para promover uma Barqueata, agendada para a próxima sexta-feira (20).

O biólogo e ativista ambiental Marcelo Mello, que também é morador da região, conta em entrevista como tem sido os seus últimos anos lutando para salvar o meio ambiente da depredação do homem e do abandono do poder público. Mello já sofreu ameaças por defender correntes contrárias aos interesses de grupos políticos e a favor da preservação da Lagoa da Barra.

Ilhas da Barra da Tijuca-RJ | Imagens: Wagner Sales/ Solidário Notícias e Edson Queiroz


 

Comentários

comentários