Teerã e Bagdá decidiram não usar o dólar norte-americano nas transações comerciais bilaterais, informou a agência Mehr

Sputnik Brasil – A divisa norte-americana “foi eliminada” da lista de moedas utilizadas nas transações comerciais entre o Iraque e o Irã, informou o presidente da Câmara de Comércio Irã-Iraque, Yahya Ale Eshaq, comentando as relações comerciais entre os dois países depois do restabelecimento das sanções norte-americanos contra o Irã.

Segundo Eshaq, nos acordos financeiros a divisa norte-americana será substituída pelo euro, dinar iraquiano e rial iraniano. O intercâmbio comercial entre os dois países atinge oito bilhões de dólares (R$ 32.4 bilhões).

Não é pela primeira vez que vários países decidem abandonar o dólar no comércio entre si. Por exemplo, a China compra petróleo a Angola, gás à Rússia e carvão à Mongólia em yuanes. A Rússia, por sua vez, expressou seu desejo de realizar pagamentos em moedas nacionais com a Turquia, enquanto os países do BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) planejam criar um sistema comercial sem a participação da moeda norte-americana.


 

Comentários

comentários