Comissão instalada no Senado apura cobranças abusivas de juros contra consumidores;

Foto: Marcelo Camargo/ABr

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga os juros abusivos dos cartões de crédito reúne-se nesta quarta-feira (16) para ouvir representantes do setor. A reunião terá início às 10h15, na sala 13 da ala Alexandre Costa.

Durante a oitiva serão ouvidos pelo colegiado o diretor-executivo da Associação Brasileira de Empresas de Cartões de Crédito (Abecs), Ricardo de Barros Vieira; o presidente da Associação Brasileira de Crédito Digital (ABCD), Rafael Pereira; e a diretora jurídica e de Relações Governamentais da Cielo, Louangela Bianchini Colquhoun.

Outros convidados são o economista-chefe da Stone Pagamentos, Vinícius Carrasco; o presidente da Redecard, Marcos Magalhães; o vice-presidente da Getnet, Plínio Patrão; e o ex-presidente do Banco Central Gustavo Loyola.

Instalada em abril para investigar os juros cobrados pelas operadoras de cartões de crédito, a comissão é presidida pelo senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO). Em 2016, destaca o senador, uma companhia de cartão de crédito chegou a cobrar juros anuais de 850% no crédito rotativo, categoria em que as empresas enquadram a operação do cliente que não paga o valor total da fatura. Na época, a taxa básica de juros (Selic) estava em 14,25%.

A CPI dos Cartões de Crédito encerra seus trabalhos em outubro de 2018. O relator do colegiado é o senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB-PE).

*Agência VIU!

 

Comentários

comentários