Levantamento da Organização Mundial de Saúde diz que 37 milhões de pessoas infectadas com HIV desconhecem que têm o vírus; Leia mais:

Cerca de 1 milhão de pessoas morre anualmente no mundo por desconhecer que tem o vírus da Aids. Por conta disso, muitos pacientes iniciam o tratamento contra doença tarde demais.

O alerta foi divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) na semana em que se comemora os 30 anos de luta contra a Aids.

Apesar das conquistas obtidas no tratamento de soropositivos nas últimas três décadas, a epidemia ainda é uma ameaça mundial. Estimas-e que 37 milhões de pessoas no planeta vivam com o vírus HIV. Deste contingente, 75% sabem que são portadores da doença e 60% recebem tratamento.

De acordo com a OMS, algo em torno de 75% das novas infecções fora da África subsaariana é registrada entre profissionais do sexo, homens que fazem sexo com outros homens, usuários de drogas injetáveis, transgêneros e presidiários. Também são afetados os parceiros sexuais dos integrantes desses grupos de risco.

3 CONDUTAS DE ALTO RISCO

1- Manter relação sexual sem o uso de preservativo;

2- Receber transfusões de sangue de forma insegura;

3- Exposição a algum tipo de equipamento injetável contaminado, como agulhas

A OMS está empenhada em uma campanha para estimular de exames e adoção de políticas públicas voltadas para a promoção da saúde. A intenção da entidade, é fazer com que essas políticas tenham foco no combate à aids, tuberculose, hepatite e outras doenças relacionadas.

*Agência VIU!

 

Comentários

comentários